Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (17)982122696

Encontre o que deseja

NO AR

Hits Brasil

    Brasil

Ídolo de Palmeiras e Atlético-MG, Euller vê alviverde com vantagem na Libertadores

Publicada em 03/08/2022 as 07:11h por www.dlnews.com.br - 16 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
O jogo será entre duas das equipes mais dominantes do futebol brasileiro  (Foto: Divulgação)

Às quartas de final da Libertadores terão como uma das atrações o duelo entre Atlético-MG e Palmeiras. O jogo será entre duas das equipes mais dominantes do futebol brasileiro: os mineiros, campeões do Brasileiro e da Copa do Brasil ano passado; os paulistas, atuais bicampeões sul-americanos. O primeiro confronto acontece na quarta-feira (3), às 21h30, no Mineirão.

Quem conhece muito bem as duas equipes é Euller. O ex-atacante, atualmente treinador, foi ídolo de atleticanos e alviverdes. O eterno Filho do Vento, em entrevista exclusiva ao Apostagolos.com, analisou o que esperar do confronto.

- No Brasil, hoje você tem o Atlético e o Palmeiras se destacando muito mesmo. Acho que o Palmeiras no momento está um pouco à frente do Atlético devido ao treinador que eles têm à disposição. Abel Ferreira é um técnico estrategista, que arma o time em função do adversário. Que joga propondo a partida, mas também saber ser mais reativo - afirmou o Euller, atualmente treinador.

Sobre o Atlético-MG, ele ressaltou as mudanças na comissão técnica:

- O Atlético-MG está passando por um processo de transição, né? O Cuca se apresentou recentemente, está começando agora os trabalhos. Mas ele já sabe como o Atlético vai jogar, nós sabemos como Cuca gosta de jogar. Ele teve pouco tempo de trabalho para esse jogo, mas ele tem uma característica de jogo muito clara, o que é importante. Eu particularmente acho que vai ser um grande jogo, acredito que vai ser um grande jogo, pela qualidade de jogo das duas equipes - afirmou.

Para Euller, o pouco tempo de trabalho de Cuca não deverá ser um problema. O treinador comandou o Galo ao longo do ano passado e, desde dezembro, quando pediu demissão, o elenco se manteve praticamente o mesmo.

- A escolha pelo Cuca foi pelo simples fato de o Atlético-MG ter pouco tempo para esses jogos decisivos. É a ideia que o Atlético, numa semana, já entre no sistema, na ideia do Cuca. Eu não tenho dúvida que em uma semana o time conseguirá recuperar aquele padrão de jogo que tinha antes da saída dele.

 O Filho do Vento do duelo

A identificação de Euller com os dois times é enorme. Pelo Atlético-MG, foram 115 jogos distribuídos em duas passagens. Ele venceu o Campeonato Mineiro em 1995 e foi semifinalista do Brasileiro em 1996. Já pelo Palmeiras, a história é mais curta, porém inesquecível: Euller foi campeão da Libertadores em 1999, até então o título mais importante da história alviverde. Foram 75 partidas pelo time paulista.

O estilo de jogo dele marcou época: tão veloz que ganhou o apelido de Filho do Vento, Euller driblava os adversários com facilidade e com isso criava muitas chances de gol, tanto para ele quanto para os companheiros de ataque. Questionado pelo Apostagolos.com, Euller vê em Dudu, do Palmeiras, alguém com qualidades parecidas.

- Gosto muito do Dudu. Ele é um jogador que também tem um drible muito rápido, ainda que tenha suas peculiaridades. Dudu gosta do drible para dentro, na tentativa de buscar o melhor ângulo para a finalização. Eu driblava mais para fora, então chegava mais para a linha de fundo, para o cruzamento para trás, ou então eu batia cruzado.

Euller se aposentou em 2011. Atualmente, inicia a carreira como treinador - sua primeira experiência foi à frente do Sabor, um pequeno clube da Espanha. Atualmente, está de volta ao Brasil e deverá ir ao Mineirão para acompanhar de perto a partida entre as equipes.

Para ele, está muito claro quais são as principais virtudes que Palmeiras e Atlético-MG têm para explorar na tentativa de conquistarem uma vaga na semifinal da Libertadores:

- Eu acredito que pelo lado do Palmeiras a estratégia vai ser muito importante porque o Abel joga em função do adversário, ele arma sua equipe de uma maneira que consiga surpreender o rival, ao explorar os pontos fracos. Inclusive as bolas paradas. Em relação ao Cuca, temos a ideia do jogo do Cuca com muita ligação direta. Aproveitando muito a parte de contra-atacar, com a velocidade pelos lados do campo.

 Eu acho que o Atlético Mineiro tem a possibilidade maior de poder definir a partida na individualidade dos jogadores, porque os melhores jogadores do Atlético estão no setor ofensivo do time, enquanto no Palmeiras os melhores jogadores estão na parte defensiva - concluiu.

 






ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Nossos Parceiros

 
 
 
 
 
 
 
 
 

Nosso Whatsapp

 (17)982122696

Visitas: 1109094 | Usuários Online: 50

Todos os direitos reservados

Converse conosco pelo Whatsapp!